Pular para conteúdo principal

Amigos e parentes prestam últimas homenagens ao “velho França”

Publicado em:

Defensores públicos prestam homenagem ao amigo

Defensores públicos prestam homenagem ao amigo

Nesta quinta-feira (24), o auditório da OAB/Ji-Paraná foi tomado por amigos e parentes do defensor público-aposentado, Antônio Francelino dos Santos, para prestar as últimas homenagens. Chamado carinhosamente pelo apelido de “França”, ele era conhecido naquele Município pela humildade e prazer em realizar o trabalho de defensor público. Ele faleceu na quarta-feira (23) à noite, vítima de um enfarto, após quatro dias internado na UTI.

“Atendia a todos sem distinção e estava sempre disponível a ajudar a ajudar o próximo e, em especial, a Defensoria Pública, instituição que ele amava. Vamos sentir muito a sua falta”, afirmou, emocionado, o defensor público-geral do Estado, José Francisco Cândido, que esteve presente à solenidade de despedia junto com a corregedora auxiliar, Vanilda Contreiras. Participaram ainda os defensores públicos José Oliveira de Andrade, Eduardo Weymar, Maryllia Gondim Reis,  Lívia Cantadori, Elia Oliveira Mello e Walmir Fornazari.

José Oliveira de Andrade, pelo forte laço de amizade que os unia, falou em nome dos demais colegas. “É um orgulho para todos nós termos convivido com uma pessoa como o França. Não guardava mágoa de ninguém  e afirmava que queria terminar seus dias na cidade que mais gostava, Ji-Paraná”.  Andrade destacou as qualidades do amigo, falando do amor que ele tinha para com a família e amigos. “Era um profissional ímpar”, destacou.

O auditório da OAB/Ji-Paraná ficou lotado de amigos e parentes

O auditório da OAB/Ji-Paraná ficou lotado de amigos e parentes

 


Compartilhar

Skip to content