Pular para conteúdo principal

Defensor público concorre ao prêmio de fotografia “Por que é legal ser pai”

Publicado em:

Esta fotografia em que aparece o defensor público junto com os filhos e esposa é a que está concorrendo

Esta fotografia em que aparece o defensor público junto com os filhos e esposa é a que está concorrendo

O defensor público Eduardo Weymar, que atua no Núcleo da Defensoria em Ji – Paraná, é um dos concorrentes no concurso cultural de frase e fotografia “Por que é legal ser pai”. O concurso está sendo promovido pelo Ministério Público do Estado (MP-RO). A premiação ocorrerá no próximo dia 21, na sede do MP.

O defensor público explicou que a sua participação no concurso tem como objetivo mostrar aos pais o quanto é importante ter uma maior integração com os filhos, construindo uma relação de parceria, amizade e confiança desde a infância, pontos esses que são fundamentais para a consolidação de sua personalidade.

A foto e a frase dos ganhadores integrarão a campanha institucional focada na Paternidade Responsável, a ser desencadeada pelo MP. As inscrições estão encerradas. O edital exigia frase inédita e deveria responder a seguinte pergunta: “Por que é legal ser pai?”.

Já a fotografia (colorida), deveria mostrar o pai participante na vida dos filhos, menores de 18 anos. Os três primeiros colocados serão premiados, respectivamente, com um tablet, uma câmera fotográfica semiprofissional e um smartphone.

Para participar da solenidade, é preciso fazer a inscrição com antecedência pelo site institucional do MP e no dia levar dois litros de leite.

 


Compartilhar