Pular para conteúdo principal

Assistida adquire prótese por meio da DPE e agradece apoio

Publicado em:

Lúcia Paula afirmou que está desenvolvendo suas atividades normalmente, graças à prótese

Lúcia Paula afirmou que está desenvolvendo suas atividades normalmente, graças à prótese

A assistida Lúcia de Paula Camata foi beneficiada com uma prótese no valor de R$ 81.100,00, graças à intervenção da Defensoria Pública do Estado, por meio da 7ª Defensoria de Ji-Paraná/Núcleo Shopping Cidadão, que requereu à Justiça o sequestro dos cofres do Estado o recurso referente ao valor do aparelho.

Pobre na forma da lei, a assistida recorreu à Defensoria Pública por não ter condições de arcar com o valor cobrado pelo aparelho. Diante da exposição dos fatos relatados pela Defensoria Pública, a juíza da 1ª Vara Cível da comarca de Ji-Paraná concedeu antecipação de tutela requerida, determinando que o Estado fornecesse a prótese no prazo de 15 dias, o que não aconteceu.

Diante do adiamento em atender a determinação no prazo estipulado, a Defensoria Pública requereu o sequestro do valor referente ao aparelho, sendo deferido de imediato pela juíza, resultando na expedição do alvará em favor da assistida.

Lúcia Paula, que já se encontra com a prótese, afirmou que está desenvolvendo suas atividades normalmente, o que não acontecia anteriormente. “Vim agradecer o apoio que recebi da Defensoria Pública, pois a equipe não mediu esforços para resolver o meu problema”, disse ela a defensora pública Lívia Cantadori, coordenadora da 7ª Defensoria de Ji-Paraná/Núcleo Shopping Cidadão.

 


Compartilhar

Skip to content