Para melhorar a sua experiência na plataforma e prover serviços personalizados, utilizamos cookies. Ao aceitar, você terá acesso a todas as funcionalidades do site. Se clicar em "Rejeitar Cookies", os cookies que não forem estritamente necessários serão desativados. Para escolher quais quer autorizar, clique em "Gerenciar cookies". Saiba mais em nossa Declaração de Cookies.

Pular para conteúdo principal

DPE se compromete apoiar Central de Alternativas Penais a ser instalada pelo Governo

Publicado em:

DPGE Marcus Edson durante reunião com o secretário da Sejus, Marcos Rocha

DPGE Marcus Edson durante reunião com o secretário da Sejus, Marcos Rocha

A Defensoria Pública do Estado (DPE-RO) se comprometeu apoiar o Governo do Estado na instalação da Central de Alternativas Penais, cujo projeto está em fase de elaboração. A parceria foi discutida nesta quarta-feira,09, durante reunião entre o defensor público-geral do Estado, Marcus Edson de Lima, e o secretário de Estado da Justiça, Marcos Rocha.

O DPGE firmou o compromisso de que, caso o Estado implemente o orçamento para contratação dos 13 defensores públicos restantes na lista de espera  do último concurso, designará imediatamente dois defensores públicos  para cobrir a demanda solicitada.

A incumbência da DPE na Central de Alternativas Penais será de coordenar os trabalhos desenvolvidos no referido projeto. De acordo com o secretário da Sejus, serão disponibilizados  universitários do curso de Direito para auxiliar o defensor público na execução das atividades.

Atualmente, a função de acompanhar aquelas pessoas que estão cumprindo penas alternativas  é do Judiciário, mas por determinação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) o Executivo terá que assumir essa obrigação. O CNJ irá liberar recursos para que o Governo instale a estrutura da Central.


Compartilhar