Pular para conteúdo principal

Defensoria Pública do Amapá homenageia Corregedor-Geral de Rondônia, Marcus Edson de Lima

Publicado em:

Na última sexta-feira, 25, o Corregedor-Geral da Defensoria Pública do Estado de Rondônia e presidente do Conselho Nacional de Corregedoras e Corregedores Gerais, Marcus Edson de Lima, foi homenageado pela Defensoria Pública do Estado de Amapá com um Certificado de Agradecimento, durante a solenidade de posse do Defensor Público-Geral da instituição, José Rodrigues.

A homenagem, conforme gravado na placa de homenagem recebida por Marcus Edson de Lima, refere-se aos agradecimentos da Defensoria Pública do Amapá pelos esforços empenhados pelo defensor em prol do fortalecimento institucional e do acesso à justiça da população amapaense.

Tais esforços estão relacionados a atuação de Marcus Edson, ainda como Presidente do Colégio Nacional de Defensoras e Defensores Públicos-Gerais, colegiado que por meio de um trabalho de articulação nacional participou efetivamente para a implantação da Defensoria Pública do Estado do Amapá em março de 2019, e para realização do primeiro concurso de defensoras e defensores públicos do Estado.

Além disso, o presidente do Condege à época, juntamente aos demais defensores públicos gerais articularam-se para conseguir realizar o primeiro curso de formação para defensoras e defensores públicos do Estado do Amapá. Na época, Marcus Edson de Lima explicou como se deu a atuação do Condege para o estabelecimento da DPE-AP.

“O Condege esteve no Amapá diversas vezes por meio de seus representantes e Presidente”, aponta Marcus Edson de Lima. “E ali realizamos o trabalho de dialogar com os representantes dos poderes do estado, além de procurar demonstrar a importância da Defensoria Pública para o Governador do Amapá, Waldez Góez”, ressaltou.

Diante da homenagem recebida nesta sexta-feira, 25, o Corregedor-Geral expressou todo o seu contentamento. “É com muita felicidade que retorno ao Amapá e me deparo com uma instituição completamente diferente para melhor, mais organizada, estruturada, com sedes próprias em quase todos os municípios. O trabalho de todos os membros e servidores foi essencial para esta conquista. Destaco também o belíssimo e importantíssimo trabalho realizado pelo até então Defensor Público Geral que não mediu esforços para esse crescimento, ajudando inclusive em âmbito nacional as Defensorias brasileiras”, ressalta.

“Por fim, o Governador do Estado Waldez Góes trabalhou incessantemente para que tudo se concretizasse, mostrando grande maturidade e conhecimento das funções institucionais, bem como sensibilidade as causas dos menos favorecidos. Essa homenagem, para mim, é uma das mais importantes em minha carreira, principalmente por ser da mais nova Defensoria brasileira e já tão grande em representatividade. Coloco a DPE do Amapá entre as fortes do país”, finaliza Marcus Edson de Lima.


Compartilhar