Para melhorar a sua experiência na plataforma e prover serviços personalizados, utilizamos cookies. Ao aceitar, você terá acesso a todas as funcionalidades do site. Se clicar em "Rejeitar Cookies", os cookies que não forem estritamente necessários serão desativados. Para escolher quais quer autorizar, clique em "Gerenciar cookies". Saiba mais em nossa Declaração de Cookies.

Pular para conteúdo principal

Defensora Pública do Estado de Rondônia torna-se membra suplente da Comissão Nacional de Educação Especial na Perspectiva Inclusiva

Publicado em:

Como reconhecimento de sua atuação na área da inclusão das pessoas com deficiência, a defensora pública Flávia Albaine Farias da Costa, que atua na Defensoria Pública do Estado de Rondônia, tomou posse no último dia 26 de junho, em Brasília, na condição de membra suplente na Comissão Nacional de Educação Especial na Perspectiva Inclusiva, instância que tem atribuições de caráter consultivo e de assessoramento ao Ministério da Educação na elaboração, no acompanhamento e na avaliação da Política na Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva.

A defensora pública Flávia Albaine tomou posse no prédio-sede do Ministério da Educação em Brasília, ocasião em que participou da primeira reunião de trabalho com a apresentação dos membros titulares e suplentes da referida Comissão. A defensora pública tomou posse, representando a Associação Nacional das Defensoras e Defensores Públicos (ANADEP) enquanto membro suplente, ao lado da colega Renata Flores Tibiryçá, defensora pública do Estado de São Paulo, como membra titular.

“Trata-se de atuação em âmbito nacional com impactos para a construção de uma política educacional inclusiva voltada para pessoas com deficiência. A minha indicação se deu por conta dos meus estudos acadêmicos e da minha afinidade com a matéria, além de ser coordenadora da Comissão dos Direitos das Pessoas com Deficiência da ANADEP”, ressaltou Flávia Albaine.


Compartilhar

Pular para o conteúdo