Para melhorar a sua experiência na plataforma e prover serviços personalizados, utilizamos cookies. Ao aceitar, você terá acesso a todas as funcionalidades do site. Se clicar em "Rejeitar Cookies", os cookies que não forem estritamente necessários serão desativados. Para escolher quais quer autorizar, clique em "Gerenciar cookies". Saiba mais em nossa Declaração de Cookies.

Pular para conteúdo principal

Defensoria Pública de Rondônia cria Núcleo Especializado na Promoção da Igualdade Étnico-racial e Cultural (Nuerc)

Publicado em:

Em reunião do Conselho Superior da Defensoria Pública do Estado de Rondônia, foi criado nesta sexta-feira, 07, o Núcleo Especializado na Promoção da Igualdade Étnico-Racial e Cultural (Nuerc), com o objetivo de construir uma sociedade materialmente igualitária, com base na promoção e conscientização dos direitos e garantias fundamentais da comunidade negra em todas as suas perspectivas jurídicas, sociológicas e políticas, combatendo e prevenindo o racismo étnico-racial e cultural.

Para isso, a atuação do Nuerc da Defensoria Pública do Estado de Rondônia estará alicerçada em uma série de 10 princípios como o amplo enfrentamento ao racismo em suas múltiplas formas de manifestação: estrutural, institucional e interpessoal; o reconhecimento e valorização da alteridade, da diversidade e da diferença racial, religiosa e cultural; a formação e letramento racial dos defensores(as), servidores(as) e estagiários(as) como forma de enfrentar o racismo; promoção de um diálogo constante com os movimentos negros; entre outros.

Para tanto, o Nuerc será coordenado por um Defensor Público designado pelo Defensor Público-Geral e contará com o auxílio de servidoras(es) e estagiárias(os), também designadas(os) pelo Defensor Público Geral.

“Este é mais um passo importante dado pela Defensoria Pública de Rondônia em direção ao combate ao racismo estrutural e às práticas discriminatórias de pessoas, grupos e movimentos sociais pertencentes à população negra. É atribuição do NUERC prestar assistência jurídica integral e gratuita, em demandas individuais e coletivas, judicial e extrajudicialmente, em temas afetos à promoção Étnico-racial e cultural”, ressaltou o Defensor Público-Geral, Hans Lucas Immich.


Compartilhar

Pular para o conteúdo