Para melhorar a sua experiência na plataforma e prover serviços personalizados, utilizamos cookies. Ao aceitar, você terá acesso a todas as funcionalidades do site. Se clicar em "Rejeitar Cookies", os cookies que não forem estritamente necessários serão desativados. Para escolher quais quer autorizar, clique em "Gerenciar cookies". Saiba mais em nossa Declaração de Cookies.

Pular para conteúdo principal

Com participação da DPE-RO, Assembleia Legislativa entrega Votos de Louvor a autoridades e representantes de instituições em celebração ao Dia da Consciência Negra

Publicado em:

Na tarde desta quarta-feira, 29, a Defensoria Pública do Estado de Rondônia participou da sessão solene de entrega de votos de louvor às autoridades e representantes de instituições e entidades que contribuem para a promoção da igualdade racial e para o combate à discriminação, preconceito e racismo no estado de Rondônia.

A sessão, proposta pela deputada estadual Ieda Chaves, foi formulada em alusão ao Dia da Consciência Negra, celebrado anualmente no dia 20 de novembro. Os votos de louvor foram entregues a mais de 40 autoridades, entre eles, o Subdefensor Público-Geral, Marcus Edson de Lima; o Corregedor-Geral, Hans Lucas Immich; e a servidora da DPE-RO, Silvânia Pinto de Souza.

Os defensores públicos, Marcus Edson e Hans Lucas Immich receberam o prêmio por suas ações enquanto ocupantes de cargos da Administração Superior da Defensoria Pública, que se reverteram em políticas de promoção da igualdade racial e combate ao racismo no âmbito da instituição. A trajetória de Marcus Edson de Lima enquanto Presidente do Conselho Nacional de Defensoras e Defensores Públicos Gerais e do Conselho Nacional de Corregedoras e Corregedores Gerais também foi destacada.

Durante a sua fala na mesa de honra, o Defensor Público-Geral Victor Hugo ressaltou as ações realizadas pelos seus pares que se reverteram na implementação de diversas políticas de inclusão e combate ao racismo, como as cotas nos processos seletivos e concursos da instituição, promoção da paridade racial em eventos e curso promovidos pela Defensoria e externos, além da criação do Núcleo de Promoção Étnico-Racial e Cultural (Nuerc), entre outras.

Ao parabenizar os homenageados, Victor Hugo ressaltou a importância do combate ao racismo. “Neste momento de celebração, quero deixar uma reflexão: Estamos avançando, mas sabendo que a luta contra o racismo não é uma jornada fácil. Mas, estamos empenhados em trilhar esse caminho junto com todos os entes, sociedade. Prontos para construir mais pontes e quebrar barreiras”, declarou.

Também presente na mesa de honra, estava o Coordenador do Nuerc, Fábio de Oliveira Santos, que ressaltou o seu compromisso com o combate ao racismo. ““Estou disposto e pronto para ‘arregaçar as mangas’ na luta da igualdade racial, erradicação do preconceito e discriminação do racismo em Rondônia. Devemos seguir com o comprometimento contínuo de práticas antirracistas, pois estamos num caminho certo e devemos perseverar neste caminho de uma sociedade mais justa e igualitária”, expressou.

Além dos defensores públicos, Silvânia Pinto de Souza, que atua como assessora de defensor, recebeu a premiação por sua trajetória como servidora e cantora, além de sua contribuição para o Movimento Negro Unificado. Ao receber o voto de louvor, Silvânia foi parabenizada por colegas de profissão, e pelas defensoras e defensores públicos presentes, entre eles, as defensoras públicas Silmara Borghelot e Silvia Raskovisch, e o defensor público aposentado Constantino Gorayeb. A Ouvidora-Geral externa da instituição, Amanda Michalski, também esteve presente na sessão solene.


Compartilhar

Pular para o conteúdo