.
Banner
Você está aqui: Home

DPE-RO realiza nova edição do projeto “Vamos conciliar” na Zona Leste de Porto Velho

E-mail Imprimir

Na última sexta-feira 23, a Defensoria Pública do Estado de Rondônia (DPE-RO) realizou mais uma edição do projeto “Vamos Conciliar” no Posto de Atendimento Avançado da Zona Leste, em Porto Velho.

Os atendimentos foram realizados a partir de agendamento com as partes envolvidas, com o objetivo de resolver os conflitos de forma amigável, oferecendo aos assistidos a chance de participar de audiências de conciliação, com dias e horas marcadas para seus atendimentos, procurando com isto, evitar futuras judicializações.

“Justamente, pensando na nossa atribuição institucional, em priorizar a solução extrajudicial dos conflitos, é que foi criado o projeto. Ele existe há mais de 3 anos na Defensoria Pública de Rondônia, e consiste justamente na realização periódica de conciliação dentro da própria instituição”, afirma a Defensora Pública Morgana de Carvalho, Coordenadora do projeto.

Números Positivos

Segundo a Defensora Pública, durante esses três anos de “Vamos Conciliar”, foram feitas cerca de 500 conciliações, dessas, 85% frutíferas, e dessas frutíferas, apenas 10% dos acordos foram descumpridos, e apenas em 2% foi necessária a judicialização.

“Nossa função é fazer com que eles consigam dialogar para conseguir resolver o conflito, sempre lembrando que os envolvidos precisam ter maturidade para eles próprios decidirem o que é melhor para os seus filhos e que dali em diante, consigam por si sós resolverem os problemas que aparecerem futuramente”, afirmou Morgana de Carvalho.

Depoimentos

Diante dos resultados positivos alcançados em toda sua existência, o projeto ainda conta com uma equipe que não mede esforço em contribuir com as ações até aqui realizadas, e ainda conta com a colaboração de estagiários voluntários.

“É muito satisfatório contribuir com este projeto, além do conhecimento adquirido aqui, tem um ambiente muito agradável e também me proporciona em ter um contato mais próximo com os assistidos e as pessoas que precisam do amparo do Direito” - Vinícius Lemos Rodrigues da Silva, estagiário voluntário da Universidade Federal de Rondônia (Unir).

Segundo a assistida, Dulcilene Barbosa de Sousa, que foi atendida durante o projeto, o atendimento da Defensoria foi de muita valia. “É um atendimento muito responsável, pelo fato da equipe respeitar ambas as partes, deixando a gente bem à vontade e livre, sem interferência por partes alguma. Estou muito satisfeita pelo o atendimento, agradeço a compreensão dos meninos que me atenderam hoje e parabenizo a todos”, ressaltou.

 

Joomlart