.
Banner
Você está aqui: Home

Ji-Paraná: Defensora Pública palestra sobre educação no sistema prisional

E-mail Imprimir

Na última sexta-feira, 24, a Defensora Pública Lívia Carvalho Cantadori Iglecias, do Núcleo da Defensoria Pública de Rondônia emJi-Paraná, participou da mesa de encerramento do II Congresso da Pedagogia da Universidade Federal de Rondônia. Lívia debateu o tema: “Espaços não escolares e prática docente – educação no sistema prisional”.

“Falei especificamente da questão da educação no sistema socioeducativo, dada minha atuação perante a Vara da Infância e Juventude de Ji-Paraná”, afirmou a Defensora Pública, que participou do evento a convite do professor Gustavo Piovezan, que leciona na Unir Ji-Paraná.

Para a Lívia Carvalho, a educação no sistema prisional, em especial no sistema socioeducativo, possui importância ímpar. “Considerando que a medida socioeducativa possui caráter pedagógico, a oferta de educação no centro de internação é primordial para que a ressocialização dos adolescentes se efetive”, afirmou a Defensora Pública.

Conforme explica, a educação nesse ambiente deve considerar a experiência de vida dos adolescentes, sua peculiar condição de pessoas em desenvolvimento e a segregação social que sempre sofreram.

“A educação deve ser crítica, emancipatória e libertária, formando não apenas uma pessoa com um diploma, mas um cidadão, um ser político, que possa analisar de forma crítica a sua realidade”.

Lívia conclui que a educação, em especial no caso dos adolescentes em conflito com a lei, se ofertada de forma integral e crítica, “é o caminho para a ressocialização e a ressignificação desses adolescentes”.

Joomlart