.
Banner
Você está aqui: Home

Defensoras e Defensores de Rondônia participam de I Jornada de Direito e Processo Penal do CFJ

E-mail Imprimir

Por meio de um grupo de estudo virtual, criado pelo Centro de Estudos da Defensoria Pública do Estado de Rondônia no último 13 de abril, os membros que integraram o grupo tiveram 10 propostas de enunciados de Direito Criminal aceitas para participar da I Jornada de Direito e Processo Penal do Conselho da Justiça Federal (CJF), que aconteceu de forma online entre os dias 10 e 14 de agosto deste ano.

A I Jornada de Direito e Processo Penal do CJF é um evento de caráter nacional e tem por objetivo a produção de enunciados e posições interpretativas sobre o Direito Penal e Processual Penal vigente, adequando-as às inovações legislativas, doutrinárias e jurisprudenciais por meio do debate entre especialistas, que são divididos em comissões temáticas.

“Participam da Jornada, professores e especialistas convidados, representantes de instituições indicadas, membros de Tribunais e autores de proposições dos enunciados aceitos para discussão e votação. Todos os participantes se reúnem em Plenária, fixando os enunciados através de votação com igual direito de voto. Este ano, mais de 500 (quinhentas) propostas foram analisadas, submetidas a discussão e votação, sendo aprovados 32 enunciados”, explica a Diretora do Centro de Estudos da DPE-RO, Alessandra Milaré.

A defensora pública ressalta que o grupo de estudo virtual criado pelo Centro de Estudos produziu ao todo 25 (vinte e cinco) propostas que foram enviadas através de seus membros, sendo que 10 (dez) foram selecionadas para análise no evento. “Os defensores públicos autores das propostas foram convidados a participar da Jornada, contribuindo na discussão e votação dos enunciados”, explica.

Ao todo, nove defensoras e defensores públicos participaram da elaboração das propostas: Dayan Saraiva de Albuquerque, Denise Luci Castanheira, Diego de Azevedo Simão, Jaime Leônidas Miranda Alves; Lucas do Couto Santana, Lara Maria Tortola Flores Vieira, Luciana Câmara Soares, Maria Cecília Schmidt e Paulo Freire d'Aguiar Viana de Souza.

“É muito importante para a Defensoria Pública participar de um evento desta magnitude e importância que contribui para o aprimoramento do Direito Penal e Processual Penal no Brasil. Agradeço à diretora do Centro de Estudos da DPE-RO, Alessandra Milaré, pela trabalho exemplar, e junto dela parabenizo as defensoras e defensores públicos que elaboraram e enviaram propostas de enunciados”, ressalta o Defensor Público-Geral, Hans Lucas Immich.

Joomlart
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner