.
Banner
Você está aqui: Home

Cacoal: Ação da Defensoria concede transferência em UTI áerea e operação cardíaca a recém-nascido

E-mail Imprimir

Na manhã da última terça-feira, 25, o Núcleo de Cacoal da Defensoria Pública do Estado de Rondônia obteve liminar favorável a uma ação da instituição, garantindo ao pequeno J. A., recém-nascido no município, uma transferência urgente para um hospital da cidade de São José do Rio Preto (SP), em uma Unidade de terapia intensiva área neonatal, e a realização de cirurgia cardíaca.

J. A. nasceu com cardiopatia congênita complexa, e necessitava de uma operação urgente para transposição de grandes artérias. “Rapidamente propusemos uma ação em face do Estado de Rondônia para que a cirurgia fosse realizada em algum hospital da rede pública ou privada, uma vez que o bebê corria risco de morte, caso o procedimento não fosse realizado a tempo”, explica o defensor público Roberson Bertone, coordenador do Núcleo da DPE-RO em Cacoal e responsável pelo caso.

Entretanto, conforme descrição do médico que acompanhava o caso do recém-nascido, inexistia no estado de Rondônia o tratamento que ele precisava, assim como inexistiam especialistas para realizar o procedimento na rede pública ou conveniada.C

Com a determinação judicial para o cumprimento dos pedidos da Defensoria Pública, a Secretaria Estadual de Saúde (Sesau) confirmou ainda na terça-feira, 25, a possibilidade da realização do procedimento no Hospital de São José do Rio Preto, estado de São Paulo, bem como disponibilizou a UTI área neonatal para que o recém-nascido fosse transportado àquele município.

Joomlart