.
Banner
Você está aqui: Home

Isabela Moreira Campos toma posse como defensora pública do estado de Rondônia

E-mail Imprimir

A equipe de membros da Defensoria Pública do Estado de Rondônia ganhou mais uma representante na manhã desta quinta-feira, 01 de outubro. Natural de Ipatinga, Minas Gerais, Isabela Moreira Campos tomou posse na sala de reuniões do gabinete da Defensoria Pública-Geral do Estado de Rondônia, em solenidade que contou com a presença do Defensor Público-Geral, Hans Lucas Immich; do Subdefensor Público-Geral, Diego de Azevedo Simão; do Corregedor-Auxiliar da DPE-RO, Victor Hugo de Sousa Lima e da Secretária-Geral da Associação dos Membros da Defensoria Pública de Rondônia (Amdepro), Lara Maria Tortola Vieira.

Em respeito ao distanciamento social preconizado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), o número de convidados foi limitado e um link foi disponibilizado via youtube da DPE-RO para que mais pessoas pudessem acompanhar a cerimônia online. Veja as fotos da cerimônia.

Quem é Isabela Moreira

Isabela Moreira Campos se formou na Universidade Federal de Viçosa/MG no ano de 2014. Ainda no seu período da sua graduação fez estágio durante dois anos na Defensoria Pública do Estado de Minas gerais, e já concluiu a graduação convicta sobre a carreira jurídica que gostaria de trilhar.

Antes de alcançar o seu objetivo de ser defensora pública, Isabela foi aprovada no concurso para o cargo de analista jurídica da Secretaria de Estado de Administração Prisional de Minas Gerais, onde trabalhou por aproximadamente quatro anos.

Isabela tomou posse como defensora pública em 2019, na Defensoria Pública do Estado do Amapá, na única unidade da federação que não tinha Defensoria Pública instalada nos moldes da Constituição Federal de 1988. Lá foi Coordenadora do Núcleo de Atendimento Especializado à Criança e ao Adolescente e atuou com a execução de medidas socioeducativas.

Cerimônia

A solenidade contou com a abertura do Defensor Público-Geral, Hans Lucas Immich, que deu às boas-vindas à empossada e agradeceu os presentes e a todos que acompanhavam a cerimônia virtualmente. Logo após cedeu a palavra às autoridades presentes.

“Estamos muito felizes com a sua posse, não só pela instituição, mas especialmente pelo nosso principal objetivo que são os assistidos. Nos colocamos à disposição para o que precisar, o que for necessário, especialmente nesse momento de adaptação”, comentou o Corregedor-Auxiliar da DPE-RO, Victor Hugo de Sousa Lima, representado o Corregedor-Geral, Marcus Edson de Lima.

“Com muita alegria que estou aqui hoje também pelo IV Concurso. A Amdepro gostaria de dar as boas-vindas à Isabela, que vai se associar e que já entende o papel tão importante associativo, ainda mais em um ano de lutas tão difíceis em prol da Defensoria, em prol dos assistidos. Nos colocamos extremamente disponíveis a tudo o que você precisar. Estou muito feliz de ver a Defensoria tendo mais uma defensora, algo muito importante para equidade de gênero dentro da nossa instituição”, ressaltou a Secretária-Geral da Amdepro, Lara Maria Tortola, que representou o Presidente da associação, Valmir Rodrigues Fornazari, durante o evento.

“Seja bem-vinda à Rondônia. Tenho certeza que trilhará uma bela carreira defensorial e que levará à população mais necessitada o acesso à justiça que eles mais precisam. É um momento de vitória da Isabela, mas é também um momento de vitória da Defensoria Pública em recebe-la nessa ocasião”, comentou o Subdefensor Público-Geral, Diego de Azevedo Simão.

Assinatura do termo de posse e discurso

Logo na sequência, o Defensor Público-Geral, Hans Lucas Immich, realizou o seu discurso.

“Seja bem-vinda! Sinta-se acolhida pela gestão pela instituição, pelos colegas, saiba que terá conosco sempre um parceiro, colegas aliados, a Defensoria é una, todos lutamos pelas mesmas causas, todos combatemos as desigualdades. Você chega em um momento muito importante para a Defensoria Pública brasileira, um momento de pandemia, de crise social, de conflitos de toda ordem. E a sua posse é uma esperança a mais para a população carente, para a população pobre, para as pessoas que têm sede de justiça. A tua chegada aqui em Rondônia representa essa esperança, nos traz muita alegria, você está somando para o nosso time de defensoras e defensores combativos”, exclamou convocando Isabela para ler o juramento de posse.

Discurso da empossada

Após leitura do juramento e assinatura dos termos de posse, a mais nova defensora pública do estado de Rondônia, que estava acompanhada de sua mãe, foi oficialmente empossada e pôde realizar o seu discurso de posse:

“Hoje dia 01 de Outubro eu passo a integrar o quadro de defensores públicos da Defensoria Pública do Estado de Rondônia, e o faço com muita alegria, com muito entusiasmo, e também com consciência da enorme responsabilidade que é passar a integrar o corpo funcional de uma instituição tão potente como a Defensoria Pública de Rondônia”.

“Mas a minha a minha trajetória na Defensoria Pública não começa hoje, ela se iniciou em 25 de março de 2019, quando tomei posse como defensora pública no estado do Amapá, a única unidade da federação que ainda não tinha Defensoria instalada nos moldes da Constituição. E eu faço essa referência ao Amapá, não só por ser extremamente grata pela experiência enriquecedora que foi ser defensora naquele estado, ou pelos meus bravos colegas de trincheira que mesmo com todas as dificuldades estruturais e com o menor orçamento dentre todas as defensorias do país, vem sendo resistência e desempenhando com maestria a missão que receberam de garantir dignidade e direitos ao povo amapaense”.

“Ser um verdadeiro defensor público tem muito mais a ver com conseguir se colocar no lugar do outro e entender a sua dor. Em um contexto de pandemia, que afetou de forma mito mais gravosa a população vulnerabilizada e intensificou de forma gritante as desigualdades sociais é preciso reforçar o cumprimento com o exercício do acolhimento, avigorar a indignação frente às injustiças e opressões, e aguçar a combatividade me prol do efetivo acesso á justiça para que o princípio da dignidade humana deixe de ser postulado real e palpável apenas para alguns e uma utopia para a grande maioria. Eu gradeço muitíssimo a oportunidade e me entrego de corpo e alma à missão que está me sendo entregue na presente data, muito obrigada”.

Joomlart