Defensoria vem promovendo a segurança e a saúde de sua equipe com contínuas aquisições de EPI´s

Imprimir

A Administração Superior da Defensoria Pública do Estado de Rondônia tem agido para garantir a segurança de seus membros, servidores e estagiários, bem como de todos seus assistidos e colaboradores, durante o período de pandemia pelo novo coronavírus (Covid-19).

Além de adotar as políticas necessárias, priorizando o trabalho remoto para membros e servidores do grupo de risco, ou que residem com familiares deste grupo, e adotando escala de revezamento para o trabalho presencial, a instituição também está reforçando a segurança in loco de todos aqueles, que por ventura, necessitem trabalhar presencialmente, com a aquisição completa dos Equipamentos de Proteção Individuais (EPIs) ou coletivos necessários.

Ao todo já foram adquiridas 3744 máscaras de proteção de tecido, 795 pacotes com 10 unidades de máscara descartável e 593 viseiras de acrílico para uso dos profissionais da Defensoria Pública.Máscaras de pano, descartáveis e viseiras foram adquiridas ainda no começo da pandemia.

Além disso, toda a rede de atendimento ao público da instituição nos Núcleos da Capital e no interior está recebendo gradualmente a instalação de barreiras de acrílico nas mesas e balcões de atendimento, material utilizado para promover a separação entre a equipe da instituição e o público. O material já foi instalado nos Núcleos da DPE-RO em Rolim de Moura, Alta Floresta do Oeste e Santa Luzia do Oeste, conforme as imagens abaixo.

Cada unidade da Defensoria receberá um totem com dispenser de álcool em gel.Visando a promoção da higienização e desinfecção das mãos de todos que transitam pelos Núcleos da instituição, a Defensoria adquiriu 30 totens com dispenser de álcool em gel, que serão posicionados nas entradas de cada Núcleo da Defensoria Pública, bem como a aquisição de 576 embalagens de álcool em gel e 120 embalagens de álcool líquido para limpeza do espaço físico, e abastecimento dos dispositivos. O material já foi adquirido e está sendo separado para a distribuição na capital e no interior.

“A Defensoria reforça o seu compromisso com a promoção da saúde de seus colaboradores e assistidos, e no combate à propagação do novo coronavírus dentro e fora dos ambientes da instituição, impedindo assim o risco de contaminação”, explica o Defensor Público-Geral, Hans Lucas Immich.

“Para isso, estamos adquirindo materiais, como os EPIs, as barreiras acrílicas e os totens de álcool em gel, reavaliando fluxos e rotinas de trabalho, e adequando os espaços físicos para conseguirmos atender todas as necessidades atuais, além de estarmos nos preparando para a retomada gradual das atividades presenciais. Dessa forma, continuamos a priorizar o atendimento ao assistido, mas garantindo a proteção necessária a todas e a todos”, finaliza o defensor público.

Barreiras acrílicas estão sendo instaladas nas mesas e balcões de atendimento.